planos-de-saude-1-1-710x270 Reajuste nos planos de saúde chegaram a 382% em 18 anos

Reajuste nos planos de saúde chegaram a 382% em 18 anos

planos-de-saude-1-1030x581 Reajuste nos planos de saúde chegaram a 382% em 18 anos

Entre os anos de 2000 e 2018 o reajuste nos planos de saúde individuais chegaram a 382%, o dobro da inflação no setor da saúde no mesmo período (108%).

Os números foram divulgados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Reajuste nos planos de saúde

Em decorrência do desemprego e queda na renda, o estudo apontou que mais de 3 milhões de pessoas deixaram de ter plano de assistência médica.

Os pesquisadores criticaram o modelo de cálculo da Agência Nacional de Saúde (ANS), que falhou na regulação do serviço, segundo a conclusão

. A metodologia analisada teve início em 2001.Reajuste nos planos de saúde

As pesquisas apontaram ainda, que a metodologia dos cálculos para o aumento dos planos de saúde possuem muitas controvérsias.

Para a melhoria desse sistema de cálculo, os pesquisadores propõem estudos para a criação de outro índice de preços para todas as modalidades de planos de saúde. Reajuste nos planos de saúde

A ideia é que o novo método tome como base a produção de serviços médico-hospitalares, assim servindo de parâmetro ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do setor da saúde como referência para a política de reajuste.

A metodologia citada no estudo foi alterada pela ANS em 2018 – válido para este ano. Reajuste nos planos de saúde

O novo Índice de Reajuste dos Planos Individuais (IRPI) se baseia na variação das despesas médicas das operadoras nos planos individuais e na inflação geral da economia.Reajuste nos planos de saúde

Reação

A ANS considera tecnicamente inadequadas as comparações feitas entre o índice de reajuste dos planos de saúde individuais e índices de preços ao consumidor, sejam eles gerais, como o IPCA, ou específicos.

Cabe destacar ainda que a nova metodologia de cálculo do índice anual de reajuste dos planos individuais, proposta pela ANS e vigente desde dezembro de 2018, já contempla, segundo o órgão, aspectos abordados pelos autores do estudo do Ipea.Reajuste nos planos de saúde

A ANS reitera, por fim, que ouviu e debateu com todos os setores da sociedade as mudanças que resultaram no aperfeiçoamento da metodologia.Reajuste nos planos de saúde

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


h
Avalie essa empresa

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito + vinte =